Uma das decisões mais importantes a ser tomada por quem trabalha ou pretende iniciar um projeto EAD, seja para oferta de cursos ou para treinamentos online, é saber onde publicar o seu conteúdo. Vimos que a publicação é um dos 3 Ps do EAD na produção de cursos online.

 

Depois de planejado e produzido, para ofertar seus cursos é preciso publicá-los. E para isso, é necessário uma plataforma online que possua os recursos de oferta, compra e aquisição do conteúdo pelo seu aluno, como também recursos pedagógicos que permitam alcançar e medir o efetivo aprendizado, mesmo que a distância.  Essa plataforma é o LMS ou AVA.

 

Pesquisando o conceito dessa sigla encontrei diversas definições como, a tradução de cada letra: LMS – Learning Management System – ou Sistema de Gerenciamento do Aprendizado e AVA – Ambiente Virtual de Aprendizagem; o objetivo da plataforma: oferecer recursos e funcionalidades distintas no intuito de influenciar de maneira positiva e inovadora o processo de aprendizagem online; e ainda, sua aplicabilidade: ser um sistema online onde alunos ou expectadores poderão acessar o conteúdo de um curso ou treinamento.

 

Mas afinal, o que é um LMS?

Analisando mais detalhadamente a sigla LMS encontramos três pilares do conceito e da proposta deste tipo de plataforma:

Learning – Aprendizagem: Um LMS é utilizado para publicar o conteúdo de um curso ou treinamento online, composto por materiais de treinamento a participantes de uma turma ou equipe.

Management– Gestão: Um LMS ajuda a organizar e gerenciar seus cursos online, seus participantes, seus resultados e a eficácia de seu conteúdo.

System – Sistema: Um LMS é um software desenvolvido para o âmbito educacional online.

 

Ainda não entendeu o que é um LMS?

Fazendo uma análise metafórica, vamos tomar como exemplo o sistema de ensino tradicional que ocorre presencialmente. Para que professores e alunos possam reunir-se, aplicar e receber conteúdo, respectivamente, existe a escola que possui salas de aula com turmas e horários onde o conteúdo será ministrado. Além disso, existem controles de frequência e de aprendizagem que permitirão avaliar o desempenho do aluno e gerar seu resultado, e para que tudo isso aconteça, existe um corpo docente responsável pela administração e gerenciamento de todos os processos.

 

Assim, um LMS é a escola em um conceito virtual. 

Um LMS é sistema educacional de gerenciamento que permite controlar e acompanhar o andamento da aprendizagem dos alunos, onde todo o conteúdo é publicado e organizado, e os alunos podem consumi-lo e interagir com seu tutores e/ou colegas.

 

Quem precisa de um LMS?

O mercado EAD tem crescido exponencialmente nos últimos anos. Em paralelo a isso, a indústria LMS tem acompanhado esse crescimento desenvolvendo softwares com tecnologias, metodologias e recursos cada vez mais interativos que garantam maior eficiência no processo ensino-aprendizagem.

 

LMS no espaço de instituições educacionais

O principal público consumidor de uma plataforma LMS tem sido escolas e universidades que acompanhando as tendências tecnológicas e a geração “nativos digitais” vêm usando o EAD para inovar o processo ensino-aprendizagem. Para uma geração acostumada a realizar todo tipo de atividade por meio de computadores, tablets ou celulares, obrigá-los a debruçar-se sobre livros é andar na contra-mão de uma forte onda tecnológica. O uso de um LMS por estas instituições permite levar a aprendizagem ao aluno em seu próprio dispositivo.

 

LMS no espaço corporativo

Reconhecendo os benefícios e economia dos custos que essa metodologia propõe, muitas organizações corporativas também perceberam no uso deste tipo de plataforma uma oportunidade de focar na aprendizagem e no desenvolvimento de seus funcionários como um diferencial de mercado. O uso de um LMS ajuda a organização a padronizar  a aprendizagem, reduz o tempo necessário para criação e gerenciamento de cursos e facilita sua distribuição.

Assim, independente do tipo de projeto EAD, um LMS pode atender qualquer empresa ou instituição de ensino que esteja procurando por uma ferramenta de treinamento, sendo aplicável tanto ao meio corporativo quanto ao meio educacional.

 

Quais os benefícios de um LMS?

Muito semelhante aos benefícios do ensino a distância, o uso de um LMS para a propagação de conteúdo oferece vantagens tangíveis principalmente em relação à aplicação e ao gerenciamento do seu projeto EAD. Além disso, podemos citar:

 

#1. Economia de Custos

Não há necessidade de custos de deslocamento e tempo para corpo docente e alunos.

 

#2. Flexibilidade

Os usuários podem participar do treinamento em seu próprio ritmo de qualquer lugar do mundo. Tudo o que é necessário é o acesso à internet.

 

#3. Facilidade no uso

Os melhores LMS buscam garantir usabilidade, ser fácil de usar e intuitivo.

 

Que recursos um LMS precisa ter?

Basicamente, um bom LMS deve permitir criar cursos dinâmicos de forma ágil e inovadora, acompanhar o progresso de seus alunos e avaliar seus resultados. Mas, esses são recursos básicos, hoje existem inúmeros recursos que um LMS pode ofertar e que poderão garantir maior sucesso no seu projeto EAD.

Por isso, a importância de compreender bem quais os seus objetivos e escolher um LMS que atenda as suas necessidades, ficando atento aos recursos que a plataforma selecionada têm a oferecer.

 

 

Postagens Relacionadas